Guiamg
Uberlândia

UNIDADES DE SAÚDE ABRAÇAM CAMPANHA NOVEMBRO AZUL

VÁRIAS AÇÕES SERÃO REALIZADAS PARA CONSCIENTIZAR SOBRE SAÚDE DO HOMEM E FORMAS DE PREVENÇÃO DE DOENÇAS, PRINCIPALMENTE DO CÂNCER DE PRÓSTATA

06/11/2019 14h47Atualizado há 2 semanas
Por: Irineu Castanheira
Fonte: Agência PMU
Divulgação
Divulgação

Depois do engajamento em prol da saúde da mulher em outubro, agora é a vez de voltar as atenções aos cuidados com os homens, principalmente para a prevenção ao câncer de próstata.  Até o final deste mês, as equipes da atenção primária da Secretaria Municipal de Saúde realizarão várias atividades nas unidades para reforçar a campanha Novembro Azul.

Serão workshops, palestras e ações diversas sobre assuntos relacionados à saúde do homem, bem como serviços, solicitação de exames e outras atividades.  As atividades acontecem para lembrar a importância do diagnóstico precoce, conforme apontou a coordenadora da atenção primária, Karina Kelly de Oliveira. “O trabalho é feito todos os dias, mas o mês de novembro é um marco, onde chamamos a atenção para a saúde do homem. Os números mostram que a doença está aí e eles precisam fazer os exames de prevenção, além de cuidar da saúde de uma forma geral”, destacou.

Nesta terça-feira (6), os pacientes que aguardavam pelas consultas no ambulatório da Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Tibery participaram de uma palestra promovida pela equipe de enfermagem. Os profissionais aproveitaram a marcação de consulta com o urologista da unidade para falarem com os homens sobre os cuidados com a saúde de uma forma geral e quais os exames preventivos para detectar algum tipo de câncer.

“Geralmente, o homem não busca ir preventivamente ao médico. Ele vai quando está com dor ou detecta algo anormal. Então, quando temos esse tipo de divulgação nas unidades de saúde, é possível levar mais informações e chamar a atenção, pois muitos desconhecem a importância desses cuidados”, comentou o analista de sistemas Marcelo Ojeda, de 39 anos.

Busca Ativa

Além das palestras nas unidades e da marcação de consultas para realização do exame de toque, é fundamental a análise do sangue, que é conhecido como PSA (Antígeno Prostático Específico). O ideal é que, a partir dos 50 anos, o urologista seja procurado anualmente para a realização desse e de outros procedimentos.

Neste mês, as equipes vão intensificar a busca ativa dos homens nessa faixa etária que não realizaram os exames de PSA este ano. O objetivo é verificar a presença de câncer de próstata, bem como de outras doenças, como prostatite e lesões em geral.

Câncer de próstata e falta de informação

O câncer de próstata evolui lentamente. Sendo assim, os sintomas são percebidos quando a doença já está em estágio avançado, dificultando o tratamento. Os principais sintomas desse tipo de câncer é a diminuição do jato de urina, dificuldades em urinar e uma mudança na frequência urinária, que aumenta.

Como a maioria dos homens evita ir ao médico por temer descobrir alguma doença ou realizar algum exame específico, as orientações nas unidades do município durante as palestras nas salas de espera são para desmistificar e esclarecer a importância dos procedimentos. “Todas as unidades estão preparadas para recebê-los e orientar sobre todas as enfermidades, bem como preveni-las. Será um mês onde estaremos focados na saúde deles e reforçando a mensagem da importância da prevenção”, apontou a coordenadora Karina Kelly.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.