Quarta, 18 de Maio de 2022
12°

Poucas nuvens

Uberlândia - MG

Cidades Mato Grosso

Pavimentação da Estrada da Baiana é discutida junto a municípios durante visita do vice-governador

Após ter o projeto aprovado pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), a pavimentação da Estrada da Baiana, a MT-338, que liga Lucas do ...

28/01/2022 às 23h55
Por: Irineu Castanheira Fonte: Prefeitura de Lucas do Rio Verde - MT
Compartilhe:
(Foto: Ascom Prefeitura/Rayan Nicacio)
(Foto: Ascom Prefeitura/Rayan Nicacio)

Após ter o projeto aprovado pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), a pavimentação da Estrada da Baiana, a MT-338, que liga Lucas do Rio Verde a Tapurah, foi discutida entre os municípios, na manhã desta sexta-feira (28), na presença do vice-governador, Otaviano Pivetta.

Para dar mais celeridade nos trabalhos de execução da obra, o representante do Estado, junto ao prefeito Miguel Vaz e o prefeito de Tapurah, Carlos Capeletti, optaram pela parceria entre os municípios, o Governo do Estado e produtores locais, que devem trabalhar juntos para que o projeto saia do papel.

De acordo com Otaviano, a estrada faz parte da história da região e tem um papel fundamental na localidade. Os planos, conforme Pivetta, são de iniciar a obra logo no início da seca. “Através da associação recebemos o projeto, no ano passado, e ele foi estudado e aprovado. Agora estamos fazendo esse acordo com os municípios e a associação dos produtores da região de influência dessa rodovia para começar essa obra”, disse o vice-governador.

Representando a Associação Intermunicipal dos Produtores e Beneficiários da Rodovia MT-338, o presidente, Lair Prediger, destaca que o trecho, além de ser muito usado para escoamento da produção agrícola, também é uma rota mais curta até a capital, Cuiabá.

“Esse eixo é muito importante. Na parte de produtores, sai muita produção, assim como entra também, os insumos e defensivos. Essa rodovia tem dado muitos custos aos municípios, por isso sentimos essa necessidade de que o asfalto deve sair”, contou Prediger.

“Hoje temos muito mais experiência, as prefeituras estão mais preparadas, o estado com uma situação financeira boa. Então, a ideia do Pivetta de assumir essa obra é devido ao grande número de licitações de asfalto no Estado, então é uma facilidade para agilizarmos ela, além de não correr o risco de terceirizarmos o trabalho para uma empresa despreparada”, apontou o prefeito de Tapurah.

“Foi um encontro muito importante para avançarmos nas tratativas. Entendemos a importância dessa estrada para toda nossa região, por isso, nos próximos dias iremos firmar o convênio com o Governo do Estado para a execução dessa rodovia”, reforçou o prefeito Miguel Vaz.

"Nós, como governantes do Estado, temos que pensar na sociedade como um todo. As estradas são importantes para o transporte, para o desenvolvimento econômico, mas mais ainda para a locomoção das pessoas e a população de modo geral”, completou Pivetta.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários