Quinta, 19 de Maio de 2022
10°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Economia Acre

Comitê gestor nacional prorrogou prazo para empresas do Simples regularizarem débitos

Podem ser regularizadas dívidas relativas ao Simples Nacional O governo federal prorrogou o prazo para regularização de pendências relativas a débi...

28/01/2022 às 13h40
Por: Irineu Castanheira Fonte: Secom Acre
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

Podem ser regularizadas dívidas relativas ao Simples Nacional

O governo federal prorrogou o prazo para regularização de pendências relativas a débitos impeditivos à opção pelo Simples Nacional realizadas até 31 de março. A resolução nº 164/2022 foi publicada no Diário Oficial da União na última segunda-feira, 24.

Serviço de atendimento da Secretaria de Fazenda na agência em Cruzeiro do Sul. Foto: Ascom/Sefaz
Serviço de atendimento da Secretaria de Fazenda na agência em Cruzeiro do Sul. Foto: Ascom/Sefaz

Com isso, ficam excepcionalmente reconhecidas as regularizações de pendências relativas a débitos impeditivos à opção pelo regime do Simples Nacional realizadas até 31 de março pelas empresas já constituídas.

Os empresários devem lembrar que o prazo para regularização de débitos foi prorrogado, mas o prazo de adesão ao Simples Nacional continua o mesmo, 31 de janeiro.

A medida foi tomada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional. Segundo a Receita, a medida proporciona, aos contribuintes do regime, o fôlego necessário para que se reestruturem, regularizem suas pendências e retomem o desenvolvimento econômico que foi afetado pela pandemia de covid-19.

O texto publicado esclarece que o cumprimento das obrigações, bem como o recolhimento do correspondente Documento de Arrecadação Estadual (DAE), deverá ocorrer até o dia 7 do mês subsequente àquele em que os valores são devidos.

Quando não houver expediente bancário, as obrigações deverão ser cumpridas e o recolhimento do valor constante do DAE deverá ocorrer até o dia útil anterior.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários