Domingo, 01 de Agosto de 2021 00:58
34 9987 27 0 11
Educação Maranhão

IEMA faz visitas técnicas a Unidades Plenas em Axixá, Bacabeira e Ribamar

O objetivo das visitas é conhecer e vistoriar as instalações, além de estreitar o contato com gestores e professores.

19/06/2021 10h15
Por: Irineu Castanheira Fonte: Secom Maranhão
Reunião com equipe de professores de IEMA Bacabeira (Foto: Maristela Sena)
Reunião com equipe de professores de IEMA Bacabeira (Foto: Maristela Sena)

A equipe da reitoria do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) visitou as Unidades Plenas de Axixá, Bacabeira e São José de Ribamar, nos dias 15, 16 e 17 de junho. O objetivo das visitas é conhecer e vistoriar as instalações, além de estreitar o contato com gestores e professores.

Na pauta, a discussão sobre condições do ambiente físico e medidas protocolares referentes a volta de aulas presenciais no próximo semestre. Esse trabalho tem sido desenvolvido pela Diretoria de Planejamento (Diplan) e assessoria de Planejamento, Administração e Gestão e também com os gestores de cada unidade.

A vistoria é executada por um arquiteto que elabora relatórios sobre as condições dos prédios das unidades. Os gestores administrativos têm a oportunidade de apresentar e discutir problemas relativos à infraestrutura. O levantamento será apresentado à Diretoria de Planejamento para que sejam viabilizados.

O reitor do IEMA, Alex Oliveira se prepara para visitar novas unidades na próxima semana. “Nós estamos providenciando várias visitas técnicas às escolas para monitorar as condições e providenciar as medidas necessárias para o retorno escolar em agosto. Na próxima semana estaremos em novas unidades dando continuidade a esse processo de levantamento. Nosso objetivo é desenvolver um monitoramento mais sistemático de toda a manutenção e administração escolar e assim, diminuir a velocidade entre as demandas e o atendimento de cada uma das unidades”, disse.   

Criado em 2015, no início do governo Flávio Dino, o IEMA tem o propósito de atender as demandas de oferta no estado, de educação profissional, científica e tecnológica. A proposta é implantar o Instituto em todas as regiões do Estado, oferecendo à sociedade condições e oportunidade para o desenvolvimento dos seus potenciais, respeitando as necessidades locais e as prioridades estratégicas do Maranhão.

Dessa forma, o IEMA está organizado em Unidades Plenas e Unidades Vocacionais. Recentemente foram entregues prédios novos para as UPs de Viana e Bacabal. No próximo mês os municípios de Coroatá, Santa Luzia do Paruá e Amarante do Maranhão vão receber novas instalações para abrigar suas unidades.

Biblioteca IEMA Axixá (Foto: Maristela Sena)

O IEMA tem 23 Unidades Plenas, que ofertam Ensino Médio Técnico em Tempo Integral, duas unidades bilíngues de Ensino Fundamental (uma em São Luís e outra na cidade de Santa Inês, esta última ainda não está em funcionamento) e 25 unidades vocacionais para oferta de cursos FIC, profissionalizantes. Há ainda mais 13 IEMAS em obras nos municípios de Santa Helena, São Domingos, Balsas, Colinas, Chapadinha, Tutoia, Vitória do Mearim, Santa Luzia do Tide, Coelho Neto, Carutapera, São Mateus, Dom Pedro e Tuntum.

As Unidades Plenas proporcionam Ensino Médio Técnico em Tempo Integral e Integrado à Educação Profissional para 9.568 estudantes matriculados em 45 cursos nos municípios de Axixá, Bacabeira, Bacelar Portela, Brejo, Coroatá, Cururupu, Gonçalves Dias, Matões, Pindaré-Mirim, Presidente Dutra, Rio Anil, São José de Ribamar, São Luís Centro, São Luís Itaqui-Bacanga, Timon, Santa Inês, São Vicente Ferrer, Amarante do Maranhão, Bacabal, Codó, Dom Hamleto de Angelis – Viana, Santa Luzia do Paruá e Vargem Grande.